terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Associação de Resistores




Por que associar resistores? Quais as diferenças da associação em série da em paralelo?




A associação de resistores é realizada quando se pretende obter uma resistência diferente da resistência do resistor. Há casos em que a corrente é muito maior ou muito menor daquela que o resistor suporta, por isso a associação. Antes de explicar as associações, é essencial saber a 1ª lei de Ohm:

U = R.i

Em que U é a tensão ou diferença de potencial, R a resistência e i a intensidade da corrente elétrica.

ASSOCIAÇÃO EM SÉRIE

Quando pretende-se obter uma resistência maior do que a de um só resistor, realiza-se a associação em série.
Propriedades:
- A corrente elétrica é constante em todos os resistores.
- A diferença de potencial (d.d.p.) de todo o circuito é igual a soma de todas as diferenças de potencial de cada resistor.
-
- A potência dissipada é proporcional à resistência (P = R.i²).

ASSOCIAÇÃO EM PARALELO

Quando pretende-se dividir o caminho da corrente elétrica, através da associação de resistores ligados em pontos comuns.

Propriedades:
- A diferença de potencial é constante em qualquer resistor associado em paralelo.
- A corrente elétrica equivalente é a soma das correntes que passam por cada resistor.
-
- Quanto maior for a resistência, menor será a corrente.


Espero ter ajudado!

Dúvidas? Gostou? Não gostou? Comente.

Um comentário:

  1. Muito bom, ajudou bastante ver essa parte da física de forma mais prática!

    ResponderExcluir